Notícias Cotrisoja

Fique por dentro do que acontece no mercado agrícola regional, nacional e internacional

21/08
Veterinários da Cotrisoja visitam a Agroleite

Veterinários da Cotrisoja visitam a Agroleite

Em parceria com a Resolpec, distribuidora dos produtos Elanco, a Cotrisoja oportunizou uma viagem técnica aos Médicos Veterinários da Cooperativa. O objetivo foi conhecer as novas tecnologias da cadeia leiteira utilizadas no Paraná, Estado considerado referencia no setor

O Paraná já é o segundo maior produtor de leite do País, ultrapassando o Rio Grande do Sul, que ocupava essa posição até 2014. A informação é do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) sobre o ranking da produção nacional de leite, por estado, é relativo ao ano de 2015. Segundo o levantamento do IBGE, o Paraná produziu 4,66 bilhões de litros de leite, 60 milhões de litros a mais que o estado vizinho que produziu 4,59 bilhões de litros de leite. O maior estado produtor do País continua sendo Minas Gerais, com uma produção de 9,14 bilhões de litros de leite por ano. O Estado se consolida como o maior produtor da região Sul do País, que tem uma produção, somando os três Estados, de 12,32 bilhões de litros por ano. O Paraná participa da Aliança Láctea do Sul, que visa consolidar a cadeia produtiva, com produtos de qualidade e que tem como objetivo a exportação.

Os Médicos Veterinários Juliano Camargo e Henrique Mota contam como foram as vistas às propriedades Régia e Arkafla. Primeiro fomos até a Fazenda Régia, localizada em Palmeira. Esta, com 800 vacas em lactação, sedo que o objetivo é chegar a mil vacas em lactação. A realidade vista lá é bem avançada e pode ser trazida para as propriedades da nossa região. O Paraná é referência nacional em produção de leite”, disse Camargo.

Para o Veterinário Henrique Mota, o destaque destas propriedades foi o cuidado dispensado às terneiras. “Arkafla é o nome da outra fazendo que visitamos. Localizada em Castro, possui atualmente 460 vacas em lactação com projeto para chegar a 600 animais. É uma realidade diferente com produtores maiores e em região voltada à produção leiteira, onde os produtores tratam a atividade leiteira como empresa. O que mais chamou a nossa atenção foi os cuidados e tratamento dedicados às terneiras. Percebemos também que os proprietários das fazendas utilizam ao máximo a estrutura disponível para diluir os custos de produção. Valeu a pena conhecer uma nova realidade. Podemos adaptar alguns conhecimentos trazidos e aplicarmos na nossa região de atuação.”

Os colaboradores da Cooperativa participaram também da Agroleite, evento técnico voltado a todas as fases da cadeia do leite. Ele acontece no mês de agosto na cidade de Castro (PR) capital nacional do leite e busca através de sua programação apresentar o potencial de produção de leite da região nos aspectos qualitativo e quantitativo.

Seus atrativos são extremamente notórios em função da seriedade com que se tratam os assuntos relacionados a área, tendo como complemento a exposição de animais, torneio leiteiro, clube de bezerras, leilão, dia de campo e dinâmica de máquinas.

Durante o evento também são realizados fóruns, seminário internacional e painel para se discutir genética, alimentação, qualidade animal, qualidade do leite e tecnologias voltadas ao setor. Empresas parceiras da Cotrisoja também estiveram expondo na feira.