Notícias Cotrisoja

Fique por dentro do que acontece no mercado agrícola regional, nacional e internacional

Soja: Segue o movimento de realização de lucros em Chicago nesta 5ª e futuros recuam

Os preços da soja seguem recuando na Bolsa de Chicago na manhã desta quinta-feira (13). Os futuros da oleaginosa, por volta de 7h15 (horário de Brasília), perdiam mais de 17 pontos e o vencimento novembro/17 – o mais negociado agora e a referência para a safra norte-americana – já era cotado a US$ 10,15 por bushel. Os mercados do milho e do trigo também recuam hoje.

Para analistas internacionais ouvidos pelo portal britânico Agrimoney, parte dessa pressão sobre os grãos na manhã de hoje vem ainda dos últimos números do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) com os estoques finais mundiais das três commodities acima das expectativas do mercado, bem como os americanos de milho e trigo também.

Entretanto, afirmam ainda que esse pode ser um recuo momentâneo, já que ainda há bastante tempo para a consolidação da safra americana 2017/18, que necessitará de condições favoráveis de clima, e só assim será possível saber o quão próximo os números reais ficarão das estimativas apontadas ontem pelo USDA.

Dessa forma, se voltam as atenções para o cenário climático no Meio-Oeste americano. O relatório da Benson Quinn Commodities afirma que será preciso “olhar para a consolidação e o movimento dos fundos para repensar o que vem a seguir, com cada novo modelo de clima para o final de semana. E as previsões para o Corn Belt continuam mostrando tempo ainda quente e seco no Oeste e mais úmido e com temperaturas amenas e no leste”.

Nesta quinta-feira, de olho ainda nos novos números das vendas semanais para exportação que serão reportadas também pelo USDA. A projeção do departamento para o ano comercial 2016/17 foi revisada para cima e está agora em 57,15 milhões de toneladas, mesmo com o total acumulado já passando das 59 milhões.
Por: Carla Mendes

Fonte: Notícias Agrícolas