Notícias Cotrisoja

Fique por dentro do que acontece no mercado agrícola regional, nacional e internacional

28/12
Soja encontram-se com 89% das lavouras na fase de germinação e desenvolvimento vegetativo no RS

Soja encontram-se com 89% das lavouras na fase de germinação e desenvolvimento vegetativo no RS

Na região Norte, as precipitações ocorridas amenizaram o déficit hídrico; no entanto, é cedo para avaliar uma eventual ocorrência de perdas na cultura. Se a chuva persistir, é provável que não ocorram perdas nas lavouras de soja na região.

Já em municípios das regiões da Fronteira Oeste e Campanha, a chuva da semana prejudicou os trabalhos de finalização do plantio de algumas áreas e o desenvolvimento das áreas já plantadas. Percebem-se problemas fitossanitários e a necessidade de alguns replantes das lavouras devido à alta umidade do solo.

Nas regiões da Produção e Noroeste, percebe-se atraso no desenvolvimento das lavouras comparado aos anos de normalidade. Por ocasião da instalação da cultura, já apresentava sinais de dificuldade que, no entanto, foram amenizados em função das recentes chuvas ocorridas.

Nas regiões do Noroeste Colonial, Celeiro e Alto Jacuí, de maneira geral a cultura da soja apresenta stand com plantas irregulares dentro dos talhões das lavouras, principalmente em áreas semeadas no final de outubro e início de dezembro.

Nas lavouras do final de outubro, observa-se morte de plantas devido ao excesso de umidade no solo; por outro lado, nas semeadas no início de dezembro, o volume de chuvas não foi suficiente para germinação da totalidade das sementes.

Embora esse diferente efeito das precipitações entre as lavouras, a regularização da umidade proporcionou bom desenvolvimento vegetativo na semana.

Nos municípios das regiões da Fronteira Noroeste e Missões, foram identificados diversos focos de ferrugem asiática, sendo antecipado o controle com fungicidas, o que vai acarretar um aumento de aplicações nesta safra que se inicia.

Restando poucas áreas a serem implantadas, de modo geral a cultura avança no Estado. As lavouras encontram-se majoritariamente na fase de germinação e desenvolvimento vegetativo, com 89% das lavouras. Algumas áreas iniciam a fase de enchimento de grãos, no entanto, em percentual ainda pouco expressivo no Estado, aproximadamente 1%.

 

Comercialização (saca de 60 quilos)

Os preços praticados pela saca de soja tiveram leve redução de -0,19% em comparação com a semana anterior.

O valor médio indicado pela pesquisa semanal de preços da Emater/RSAscar, na semana atual, foi de R$ 72,29/sc. O preço mínimo observado foi de R$ 67,50/sc. e o máximo ficou em R$ 79,00.

 

Fonte: Emater/RS