Notícias Cotrisoja

Fique por dentro do que acontece no mercado agrícola regional, nacional e internacional

19/08
Sistema Campo Limpo

Sistema Campo Limpo

A devolução das embalagens vazias de agrotóxicos é obrigatória. Para atender a essa necessidade, em 2002, entrou em funcionamento o Sistema Campo Limpo, gerenciado pelo inpEV, visando realizar a logística reversa de embalagens vazias de defensivos agrícolas no Brasil. Esse sistema abrange todas as regiões do país, e tem como base o conceito de responsabilidade compartilhada entre agricultores, indústria, canais de distribuição e poder público, conforme determinações legais.

A logística reversa das embalagens vazias de agrotóxicos é essencial para sustentabilidade do planeta. Ao abandonar as embalagens no ambiente ou descartá-las em aterros e lixões ou enterrá-las, ficam expostas às intempéries e podem contaminar o solo, as águas superficiais e os lençóis freáticos. Além disso, há ainda o problema da reutilização sem critério das embalagens, que coloca em risco a saúde de animais e do próprio homem.

Hoje o Brasil conta com 297 postos de recebimento e 113 Centrais. Em 2015 foram 45.500 toneladas de embalagens vazias de agrotóxicos recolhidas e destinadas corretamente. Dessas, 95% podem ser encaminhadas para reciclagem, desde que tenham sido corretamente lavadas no momento de uso do produto no campo. As embalagens não laváveis (cerca de 5% do total) e aquelas que não foram devidamente lavadas pelos agricultores são encaminhadas a incineradores credenciados.

Para que mais embalagens possam ser reaproveitadas é extremamente importante a realização correta do processo de tríplice lavagem das embalagens de agrotóxicos, quando da utilização do produto.

Na região de atuação da Cotrisoja dispomos do posto de recebimento conhecido como ARFITA. O dia de recebimento das embalagens vazias de agrotóxicos na ARFITA ocorre sempre às quintas-feiras, no turno da manhã, das 8h as 11h30min.

PÁG 14 e 15 campo limpo

PÁG 14 e 15 campo limpo

Eunice Portela
Bióloga