Notícias Cotrisoja

Fique por dentro do que acontece no mercado agrícola regional, nacional e internacional

05/08
Medo de geada inibe início do plantio do milho em RS

Medo de geada inibe início do plantio do milho em RS

Os produtores gaúchos em sua maioria estão receosos de iniciar o plantio do milho no cedo, por causa dos prognósticos que apontam para o risco de geadas ainda em agosto. As informações são do boletim conjuntural divulgado nesta quinta-feira (4/8) pela Emater/RS-Ascar, órgão oficial de assistência técnica e extensão rural do governo gaúcho.

Segundo os técnicos da Emater/RS, mesmo assim alguns agricultores já iniciaram a semeadura do milho, em função da perspectiva de seca no final da primavera. Eles dizem que a tendência é de aumento do plantio escalonado, com o produtor buscando escapar de alguns períodos de restrição hídrica, a fim de não comprometer toda a lavoura.

O informativo relata que os agricultores que obtêm renda com a comercialização de milho verde já iniciaram a semeadura, “no intuito claro de poder ofertar o mais cedo possível aos consumidores”. Os preços pagos aos produtores de milho no mercado gaúcho estão estabilizados em R$ 41 a saca de 60 kg.

No caso do trigo, as lavouras estão em fase de desenvolvimento vegetativo, com bom perfilhamento. Segundo os técnicos, a regularidade das chuvas e a aplicação das adubações nitrogenadas, proporcionaram a recuperação das lavouras, que sofreram com a baixa umidade do solo na época do plantio.

Eles comentam que as chuvas recentes, embora não abundantes, foram favoráveis à uniformidade da germinação das sementes nas áreas cultivadas no final do período recomendado. “As lavouras apresentam boas condições favoráveis, trazem uma boa expectativa de produtividade”, dizem eles.

Fonte: Revisa Globo Rural