Notícias Cotrisoja

Fique por dentro do que acontece no mercado agrícola regional, nacional e internacional

19/02
Como está o seu controle sanitário bovino? 

Como está o seu controle sanitário bovino? 

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
O manejo sanitário de bovinos de leite é de suma importância, devemos ser cada vez mais eficientes na produção, reduzindo perdas e garantindo um produto seguro e saudável para os consumidores. 
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Para isso, algumas vacinas são fundamentais, buscado evitar ao máximo a ocorrência de doenças no rebanho, confira:
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
– Brucelose: terneiras de 3 a 8 meses de idade. Vacina obrigatória;
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
– Carbuncúlo Sintomático e Carbuncúlo Hemático: vacinar todo rebanho a partir dos 90 dias de vida. Sendo animais primos, deverão receber reforço em 21 dias após a primeira aplicação. Essas doenças geralmente causam morte súbita nos animais, sendo a vacina muito eficiente;
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
– Leptospirose, IBR, BVD: vacinar todo rebanho a partir dos 120 dias de vida. Sendo animais primos, deverão receber reforço em 21 dias após primeira aplicação.
Essa vacina deve ser aplicada a cada 4 meses, em todo rebanho, preferencialmente nos meses de março, julho, novembro.
Doenças de fundo reprodutivo, causam retorno e aborto em animais prenhas e de controle eficiente com a vacinação. A IBR, além de ser uma doença reprodutiva, também é considerada uma doença respiratória;
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
– Vacina Ceratoconjuntivite: vacinar todo o rebanho, a partir dos 90 dias de vida. Sendo animais primos, deverão receber reforço em 21 dias após a primeira aplicação. Essa vacina deve ser aplicada em agosto de cada ano, saída inverno. Causa conjutivite e é de fácil controle com a vacinação;
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
– Vacina Mastite: vacinar todas as vacas lactantes, repetir a dose em 21 dias, e após, vacinar a cada 3
meses ou conforme calendário sanitário. Doença de grande prejuízo econômico.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Qualquer dúvida, contatar o Departamento Veterinário da Cotrisoja, ficaremos felizes em lhe atender e esclarecer suas dúvidas.